Natália Guimarães fala sobre novela, namoro e carnaval

Publicada em 24/11/2008 no Click 21

Por Cristina Cople 

natalia guimaraesA mineira que já foi Miss Brasil e ficou com o 2º lugar no concurso Miss Universo, Natália Guimarães, nem se dá conta da própria popularidade ao participar de um desfile beneficente, a bordo do navio Pink Fleet, do empresário Eike Batista. Ela andava de um lado para o outro, com bobes no cabelo, bermuda larga, camiseta e chinelos. Os fotógrafos seguindo a beldade por toda parte.

Durante a pausa para o lanche, a modelo conversou com a equipe do Click21 e falou sobre a carreira de atriz, os trabalhos como modelo, família e namoro.  

DESAFIOS 

Natália foi escolhida pela Rede Record para alavancar a audiência da novela ‘Caminhos do Coração’, e fez bonito. A atriz, que deveria interpretar uma aranha do núcleo de vilões, caiu no gosto do público e passou a ser a queridinha das crianças.

“Tive uma evolução muito grande na TV. Eu achava que não ia conseguir, mas percebi que não precisava ter medo. Aprendi a ficar calma com o Miss Brasil. Era muito tímida, mas com tantas entrevistas e jornalistas por perto, aprendi a me soltar”, diz a moça.

Nos bastidores da Record, a morena afirma não ter sido vítima de preconceito pela falta de experiência.

“Na TV não rola preconceito, mas como miss não tem jeito, sofro sim. Mesmo assim, acho que quebrei um pouco o preconceito. Depois do concurso, fiz Fashion Rio e vários outros desfiles”, explica Natália.

“Fiz teatro até os 15 anos e com essa idade já era formada. Foi uma porta pra mim. A primeira cena de amor da novela foi bem apimentada, fiquei constrangida, mas tinha que fazer. Sei que, pela minha idade e perfil, os meus personagens tendem a ter um par romântico, então tenho que me acostumar”.

“A novela foi um desafio para todo o elenco, uma oportunidade de brincar. Eu era vilã, mas quis dar um outro tom, do instinto animal. As crianças acabaram gostando e virou uma heroína. Era para ficar na trama apenas dois meses e fiquei seis”.

Logo em seguida, Natália Guimarães engatou outro trabalho na TV, como apresentadora do programa Mais Moda, durante as manhãs.

SEGUNDO LUGAR 

Natália acredita que, apesar do trabalho na TV, será sempre lembrada pelo 2º lugar no concurso Miss Universo, quando perdeu o título para a japonesa Riyo Mori.

“Nunca tive frustração, pois já me sentia vitoriosa por estar no Miss Universo. Aquilo era um sonho! Depois recebi o carinho e o reconhecimento das pessoas. Acho que vou estar velhinha e as pessoas vão me encontrar e dizer que aquela “japonesa” roubou o título que deveria ser meu”. 

NAMORO  

Católica praticante, Natália Guimarães vai à missa do padre Marcelo Rossi toda quinta-feira, em São Paulo. Os marmanjos nem precisam se animar! Natália está sempre acompanhada do namorado, o cantor Leandro, do grupo KLB. Eles se conheceram no programa ‘Dança no Gelo’, do Domingão do Faustão.

Ele é o homem da minha vida. Eu sinto isso, pelos sinais que a vida me dá. É o sexto sentido, sei lá”, enfatiza Natália. 

Apesar dos rumores de uma separação divulgados por um veículo de grande circulação de São Paulo, o casal nega estar em crise.

“Eu nunca imaginei um namoro à distância, mas deu certo. A gente sempre dá um jeito de se encontrar e faz uma surpresa romântica. Ainda não há planos de casamento, mas a gente se vê mais do que casais que vivem na mesma cidade. Agora é hora de trabalhar, mas estou feliz e apaixonada”, afirma a moça. 

FAMÍLIA 

Filha única de uma dona-de-casa e de um empresário, Natália vive na ponte aérea para ver os familiares e o namorado. O programa é gravado no Rio, a mãe vive em Belo Horizonte, o pai, nos Estados Unidos, onde tem uma fábrica de jeans, e Leandro, em São Paulo.

Por tudo isso, Natália ainda não decidiu onde vai passar o Natal, que também é o dia do seu aniversário. A única certeza é que estará ao lado do amado. 

CARNAVAL 

Natália será rainha da bateria da Vila Isabel, no carnaval do Rio. A morena já gravou a vinheta de carnaval da Rede Globo e aproveitou a oportunidade para reencontrar os componentes de outras escolas. 

“Os ensaios só com os integrantes da bateria são muito melhores do que os ensaios abertos ao público para se aproximar dos ritmistas. Recebo um carinho muito grande dos integrantes e até aprendi chocalho”, garante Natália.

“Não rebolo como uma passista, mas estou treinando, sozinha ou na frente do espelho. Carnaval é uma das coisas mais bonitas que eu já vi. Cativa a gente só de imaginar e dá um arrepio (ela mostra o braço)!” 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s