Febre dos vampiros voltou; veja origens e personagens famosos

Publicada em 22/12/2008 no Click 21

crepusculoPor Cristina Cople 

Um jovem de ‘prováveis’ 17 anos, charmoso e incrivelmente bonito. Esta é a descrição do vampiro Edward pela autora do romance ‘Crepúsculo’, Stephenie Meyer. O livro, que virou filme e acabou de estrear no país, trouxe à tona a antiga fascinação provocada por esses seres que precisam sugar o sangue de suas vítimas para sobreviver.

O primeiro exemplar da saga deve fechar o ano com 180 mil cópias comercializadas aqui no Brasil, enquanto que ‘Lua Nova’, segunda obra de Stephenie Meyer, alcançou 120 mil. O terceiro livro, ‘Eclipse’ chega às lojas no dia 15 de janeiro. No mundo inteiro, a obra já vendeu 25 milhões de cópias e tem os ingredientes necessários para bater o recorde do bruxo Harry Potter.

Em ‘Crepúsculo’, Bella (Kristen Stewart) é uma adolescente que se muda para a cidade de Forks, Washington, para morar com o pai. Ao chegar à nova casa, ela conhece Edward (Robert Pattinson) e descobre que ele é um vampiro. O que a jovem não esperava é uma paixão incontrolável a conduzisse em direção ao perigo.

Até agora, o filme já arrecadou US$ 184 milhões e garantiu que Robert Pattinson (Harry Potter e o Cálice de Fogo) e Kristen Stewart (Na Natureza Selvagem) assinassem contrato para protagonizar todos os filmes da franquia. 

ORIGEM DOS VAMPIROS

O sucesso é tão grande que, no site de relacionamentos Orkut, já existem 895 comunidades dedicadas à saga de Meyer. Porém, será possível explicar o sucesso dos vampiros?

Esses mortos-vivos têm aparições antiqüíssimas na mitologia de muitos países, principalmente no leste europeu e no Oriente Próximo. Na Suméria (atual Iraque), o vampiro surge como filho da demônia Lilith, confundindo-se com o íncubo, figura sedutora e diabólica que tentava as mulheres.

Acredita-se que o mito nasceu mesmo na Grécia Antiga, mas a palavra “vampiro” só começou a ser difundida no século XI, derivada do termo “upir”. Em 1047, um documento arqueológico registra o nome de um príncipe russo chamado “Upir Lichy” ou “Vampiro maldoso”.

CINEMA E LITERATURA

No cinema e na literatura, alguns vampiros foram imortalizados por seu charme ou violência.

O conde Drácula, idealizado pelo escritor Bram Stoker no século XIX, é sem dúvida o mais memorável. Além de o livro ser vendido até hoje, mais de um século após sua publicação, o sinistro Príncipe das Trevas ganhou inúmeros filmes, que encantaram espectadores por gerações. O húngaro Béla Lugosi interpretou o conde em 1931, em um filme preto e branco. O britânico Christopher Lee vestiu a pele do morto-vivo na década de 70 e em 1992 Gary Oldman foi lançado ao estrelato com ‘Drácula de Bram Stoker’.

Antes de Drácula dar a cara nos cinemas, porém, o terrível ‘Nosferatu’, de 1922, já assustava crianças e adultos graças à performance perturbadora de Max Schreck.

Na era moderna, o vampiro Lestat, criado pela autora Anne Rice em ‘Entrevista com o Vampiro’ foi vivido por Tom Cruise nas telonas.

VAMPIROS NO BRASIL

No Brasil, os vampiros ganharam um tom de humor com os personagens Bento Carneiro, de Chico Anysio, o Conde Vlad, da novela Vamp, interpretado por Ney Latorraca e o Bóris Vladescu, o vampiro da época medieval, personificado por Tarcísio Meira. 

Sem sombra ou reflexo no espelho, estes seres só poderiam ser afastados com o uso da hóstia consagrada, dos rosários e do alho. A destruição final viria com um tiro de bala de prata ou uma estocada no coração. 

Segundo a lenda, os vampiros possuem um poder de sedução muito forte. Será que é por isso que suas histórias são tão irresistíveis? 

Veja trechos de alguns dos filmes mais famosos do cinema 

» Nosferatu
» Drácula (com Bela Lugosi)
» Entrevista com Vampiro
» Hora do Espanto
» Drácula
» Crepúsculo

Anúncios

2 Respostas para “Febre dos vampiros voltou; veja origens e personagens famosos

  1. amanda santos viera

    eu amei por que e um amor verdadeiro

    eu queria um edward na minha vida por que ele e um gato e muito romatico adorei o filme muito bom

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s